Finalmente consegui assistir “O Mercado de Notícias“, do Jorge Furtado. Foi no último dia de exibição em Floripa nos cinemas comerciais da cidade. Para quem perdeu, terá uma segunda chance de ver o filme no telão, gratuitamente, entre os dias 7 e 12 de Novembro, durante a 9ª Mostra de Direitos Humanos, que será realizada no Cinema do CIC.

Todos os locais e datas podem ser conferidos na fanpage do documentário. Para quem estiver mais próximo do filme em cartaz, fica a recomendação!

Mesmo gostando muito do resultado final, não posso deixar de fazer algumas críticas. Apenas duas, na verdade. Se você ainda vai assistir, sugiro parar a leitura neste ponto.

mercado_de_noticias

A primeira crítica, é pela quantidade de depoimentos femininos, que foram poucos. A presença masculina foi muito maior no Filme.

A segunda, é pelo uso das cenas de teatro, que acabaram deixando a narrativa mais pesada e as vezes, meio confusa.

Destaque para a história do Picasso, que foi praticamente um doc dentro de outro. Muito bom!

Como escrevi antes, vale muito a pena assistir. Tanto para aqueles que estudam e trabalham na área, quanto para aqueles que consomem informações diariamente. Ou seja, todo mundo.